Museu do Povo é reinaugurado na Neo Química Arena

Agência Corinthians


Foto: José Manoel Idalgo

O Corinthians, por meio do seu Departamento Cultural e com o apoio do Tour Casa do Povo, reinaugurou nesta quarta-feira (13) o Museu do Povo, na Neo Química Arena. O espaço que fica no Átrio do estádio, foi decorado com itens históricos do Timão cedidos temporariamente por colecionadores. O evento contou com a presença de ídolos do Timão, como Basílio, Ronaldo Giovaneli, Ataliba e Nilson.

“A Neo Química Arena é o primeiro estádio do mundo a ter um museu colaborativo que conta com seus torcedores”, afirma Fernando Wanner, historiador do Corinthians e curador do Museu do Povo, ressaltando a importância da Fiel na manutenção deste espaço.

Leia Também: Museu do Povo é atração especial em dias de jogos e tours na Neo Química Arena – e conta com o apoio da torcida

Nas vitrines reinauguradas nesta quarta-feira, é possível ver vários itens históricos do Time do Povo. Entre eles se destacam camisa e luvas usadas pelo goleiro Cássio na final da histórica Libertadores de 2012 e a camisa usada pelo goleiro Dida no ano 2000.

Estas doações vieram do empresário Fábio Monsano Leandro Ferreira, que estava na reinauguração e conta sua motivação para colocar os itens raros em exposição: “Eu tenho uma paixão por esse time, e com ela surgiu em mim a paixão também por colecionar camisas e outros itens importantes da história do Timão. E eu me vi na obrigação de compartilhar isso com as pessoas que vêm ao Tour. Fico com extremo orgulho em dividir um pouco dessa história com outros torcedores”.


O colecionador e torcedor Fábio Monsano detalhando suas peças durante a reinauguração do museu. Foto: José Manoel Idalgo

Além das peças citadas acima, Fábio cedeu temporariamente outros três itens que poderão ser vistos no museu.

Gustavo Cordeiro Marques, empresário, também colaborou com o local, cedendo temporariamente chuteiras históricas, como a de Paolo Guerreiro usada na final do Mundial de 2012 e a de Ralf que foi usada na Libertadores do mesmo ano.

“É uma emoção muito forte ver os meus itens expostos na Neo Química Arena. Eu coloquei seis peças aqui e pretendo trazer mais. Mas o mais especial deles é a chuteira do Ralf, que guardo com carinho”, declara.


Chuteira usada por Ralf na Libertadores 2012 está entre os itens do Museu, emprestada pelo colecionador Gustavo Cordeiro. Foto: José Manoel Idalgo

O Museu do Povo fica aberto de terça a domingo, durante os horários do Tour Casa do Povo. Todos que comprarem ingresso para participar do tour poderão visitar o museu e conhecer todos os itens expostos temporariamente nele. Nos dias de jogos, as pessoas que tiverem acesso aos setores Oeste Superior, Camarotes e Business Lounge também podem visitar o espaço.

Os interessados em colaborar com os itens do museu podem enviar um e-mail para o curador, Fernando Wanner (fernando.wanner@sccorinthians.com.br), com uma foto individual de cada item, além das informações detalhadas sobre cada objeto.


Ídolos do Timão (da esq. para dir.) Basílio, Nilson, Ataliba e Ronaldo Giovaneli. Foto: José Manoel Idalgo

Serviço:

Museu do Povo

Local: Átrio da Neo Química Arena (acesso pelo prédio Oeste)
Quando visitar: em dias de jogos (com ingressos para setor Oeste Superior, Camarotes ou Business Lounge) e durante o Tour Casa do Povo